top of page

Educação Empreendedora

O empreendedorismo é um assunto cada vez mais presente no nosso dia a dia. Porém, apesar de muitas vezes demandar habilidades e competências específicas, empreender nem sempre é tratado como algo que pode ser aprendido, aperfeiçoado e melhorado. A educação empreendedora é uma proposta poderosa e valiosa em relação ao empreendedorismo. É uma arma eficiente para o despertar da mentalidade empreendedora e o pensamento crítico em quem tem contato com os conteúdos relacionados, auxiliando no desenvolvimento de novas aprendizagens, coletividade e autoconhecimento.





De forma geral, é o conjunto de habilidades, atitudes e atributos essenciais e relacionados à gerência de negócios, autogerenciamento e intraempreendedorismo. Tendo como base os pilares educacionais da UNESCO, as práticas educativas são relacionadas à:

Aprender a conhecer. É importante descobrir, construir e reconstruir o conhecimento para que este perdure e seja perene.

Aprender a ser. Relaciona-se com a percepção da sua interação entre você como membro de equipe e sua interação com grupos, de forma a compreender valores, crenças potenciais e criatividade.

Aprender a conviver. Da mesma forma que o pilar anterior, se relaciona à desenvolvimento em equipe de acordo com a compreensão dos outros, opiniões e vivências alheias, enquanto percepção de interdependência em um mesmo grupo.

Aprender a fazer. Como o próprio nome sugere, é a prática e a aplicação, na realidade, do que é proposto. Para o desenvolvimento integral deste pilar, é necessário articular os saberes integrados em diferentes contextos em busca de soluções.


 

A EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA OCORRE SÓ NAS ESCOLAS?


É comum, pela presença da palavra “educação”, inferir que trata-se de uma matéria e habilidade aprendida somente nas escolas e, caso a pessoa não tenha tido nenhum tipo de contato com isso, deduz também que trata-se de uma matéria pouco conhecida e que obteve relevância somente recentemente.

De fato, a educação empreendedora como conhecemos hoje começou a ser abordada através de uma perspectiva mais ampla nos últimos anos. Porém, é cada vez mais comum encontrar cursos e matérias técnicas relacionadas ao ensino do empreendedorismo. O público alvo dessas aulas, geralmente, são adultos e pessoas com intenção de utilizar o empreendedorismo ao seu favor e na busca do desenvolvimento pessoal e de um negócio próprio. Dessa forma, as pessoas que aprendem sobre empreendedorismo, antes mesmo de colocar em prática o que desejam desenvolver, obtém conhecimento suficiente para economizar tempo e investimento durante o processo. As orientações antes de colocar a mão na massa são essenciais para compreender o que é necessário na gestão de negócios, qual o caminho a seguir e como transpor adversidades.

Já nas escolas, a educação empreendedora se torna um artefato importante na formação dos estudantes a partir do despertar da mentalidade empreendedora. Não só apresenta habilidades técnicas aos alunos, como também competências comportamentais (as chamadas soft skills), que quando trabalhadas, auxiliam no desenvolvimento pessoal e profissional dos alunos, agregando mais valor ao que está sendo proposto.


 

VANTAGENS DA EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA


Desenvolvimento de habilidades técnicas. São importantes para o empreendedorismo atributos relacionados à gestão efetiva de empreendimentos, como por exemplo conhecimentos em vendas, marketing, comercial, entre outros.

Aprimoramento de habilidades comportamentais. São exemplos: otimismo, criatividade, disposição para correr riscos e lidar com imprevistos, proatividade, entre outros.

Resolução de problemas. Trata-se de uma habilidade comportamental, mas que, de modo geral, merece destaque pela sua importância nao só no ambito profissional quanto pessoal.

Cultura. Trata-se da transformação do ambiente para o estímulo ao aprendizado ativo.

Criação de oportunidades. A abordagem efetiva do empreendedorismo e a capacitação apropriada propicia a confiança e aumenta capacidades relacionadas à oportunidades, tanto pessoais quanto profissionais.

Entende-se que a educação empreendedora é um ponto chave para o desenvolvimento de habilidades essenciais na organização e surgimento de empreendimentos de sucesso. Dessa forma, é interessante ocupar um espaço mais relevante, principalmente nas escolas, uma vez que, quanto mais cedo as pessoas tiverem contato com os conhecimentos do empreendedorismo, maiores as chances de desenvolvimento, fazendo da nossa sociedade agentes de transformação.


REFERÊNCIAS:

CENTRO SEBRAE DE REFERÊNCIA EM EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA. Afinal, o que é educação empreendedora? 28 de outubro de 2022. Disponível em: https://cer.sebrae.com.br/blog/o-que-e-educacao-empreendedora/

SEBRAE SC. Educação empreendedora (páginas). Disponível em: https://www.sebrae-sc.com.br/educacao-empreendedora#conteudo

8 visualizações

Comentários


bottom of page